Essas foram as top 5 revistas de videogame do Brasil nos anos 90!

Ah, a época dourada dos videogames! Quem viveu os anos 90 sabe o quão emocionante era a guerra dos 16 bits. Sega Mega Drive e Super Nintendo brigavam como verdadeiros gladiadores pelo coração dos gamers. E para acompanhar essa batalha eletrônica, tínhamos as nossas queridas revistas de videogame. Neste artigo, vamos fazer uma viagem no tempo e relembrar as cinco revistas que marcaram essa era de ouro no Brasil. Preparados para uma dose de nostalgia? Então, segura a joystick e vem com a gente!

1. Ação Games: A Bíblia dos Gamers Brasileiros

Quando falamos de revistas de videogame nos anos 90, não podemos deixar de mencionar a icônica Ação Games. Era praticamente uma bíblia para os gamers brasileiros da época. Com análises detalhadas, dicas secretas e aqueles famosos detonados que nos salvavam de horas de frustração, a Ação Games conquistou o coração de milhares de jogadores. Ah, e quem não se lembra das famosas “Cartas dos Leitores”? Era o espaço onde os gamers trocavam experiências e dicas, criando uma comunidade unida pelos games.

2. SuperGame: A Revista dos Campeões

A SuperGame era para os gamers o que a MasterChef é para os cozinheiros de hoje em dia. Era nessa revista que encontrávamos os verdadeiros campeões dos jogos, aqueles que dominavam cada fase, cada segredo. Além disso, a SuperGame era conhecida por suas matérias exclusivas, entrevistas com desenvolvedores e análises minuciosas que nos ajudavam a decidir qual jogo investir nosso suado dinheirinho na locadora.

3. Videogame: A Revista dos Jogadores Poliglotas

Você sabia que a revista Videogame era a queridinha dos jogadores poliglotas? Isso mesmo! Ela trazia traduções de jogos japoneses muito antes da internet nos dar acesso a patches de tradução. Graças a essa revista, pudemos curtir RPGs e outros títulos que, de outra forma, ficariam incompreensíveis. E claro, não podemos esquecer das dicas valiosas e dos macetes que nos transformavam em verdadeiros mestres dos controles.

4. Nintendo World: O Mundo Encantado da Big N

Para os fãs ardorosos da Nintendo, a Nintendo World era como um portal mágico para o universo encantado da Big N. Além das análises e dicas dos jogos do Super Nintendo, a revista nos levava aos bastidores da criação dos jogos, revelando segredos dos desenvolvedores e conceitos inéditos. E vamos combinar, as capas da Nintendo World eram verdadeiras obras de arte que nos faziam sonhar com mundos cheios de cogumelos e heróis de chapéu vermelho.

5. Gamers: A Revista dos Jogadores Antenados

A Gamers era para os jogadores antenados, aqueles que estavam sempre em busca das últimas novidades do mundo dos games. Além das análises dos jogos do Mega Drive e Super Nintendo, a revista trazia matérias especiais sobre tecnologia, curiosidades e até mesmo os embriões dos e-sports. Era como se a Gamers tivesse uma bola de cristal e nos mostrasse o futuro dos videogames antes mesmo de acontecer.

Ah, como era bom viver nessa época maravilhosa! As revistas de videogame eram nossas melhores amigas, nossas guias no vasto universo dos jogos eletrônicos. E mesmo que hoje tenhamos acesso a uma quantidade infinita de informações online, nada se compara à sensação de folhear uma dessas revistas e descobrir os segredos dos jogos junto com os amigos. Que tal desenterrar aquela caixa empoeirada no sótão e revisitar esses tesouros do passado? Afinal, os clássicos nunca saem de moda, não é mesmo?

Apaixonado por jogos retrô, tecnolgia, programação, fotografia e aviação.